Em Foco

Você está em: Home, Em Foco, Futuros médicos

Maio de 2016

Futuros médicos

A primeira turma de Medicina da UEMG Passos completa quase três meses de aulas e avalia positivamente o curso, que é o primeiro da área na universidade estadual e que foi aguardado com muita expectativa pela região

.

 

Eles são 39 e se somaram às turmas de jaleco branco da Universidade do Estado de Minas Gerais, Unidade Passos, que oferece nove cursos na área da Saúde. Vindos principalmente de municípios dos estados de Minas Gerais e São Paulo, e de outras localidades como Rio de Janeiro e Brasília, os estudantes da primeira turma de graduação em Medicina da UEMG Passos avaliam de forma positiva os primeiros meses do curso.

As aulas acontecem em período integral – manhã e tarde – e, além da formação teórica, já incluem o contato dos alunos com procedimentos práticos, como acontece na disciplina ‘Suporte Básico de Vida I’. Nela, com o uso de bonecos simuladores, os universitários de Medicina da UEMG Passos se familiarizam com cuidados iniciais do paciente, transporte seguro e atendimento de urgência em parada cardiorrespiratória.
 

.

Em outra disciplina do 1º período do curso, a ‘Prática de Integração, Ensino, Serviço e Comunidade’ (PIESC I), os universitários já passam a compreender a lógica dos serviços à população, conhecendo os aspectos regionais e a organização do atendimento de Saúde. Este conteúdo atende a uma das propostas inovadoras do projeto pedagógico do curso, que busca formar profissionais aptos a atuar em ações de política, planejamento e gestão de Saúde.

“Na concepção do curso, a pergunta que o grupo de médicos e demais profissionais de Saúde responsáveis pelo projeto se fez, foi: o que falta ao médico na atualidade, e que deve ser priorizado na nossa proposta pedagógica?”, explica a médica Maria Paula Moraes Vasconcelos, coordenadora do curso.

Diante dessa reflexão, o Núcleo Docente Estruturante (NDE), responsável pela elaboração do projeto, contemplou nos componentes curriculares, além das bases biológicas da prática médica e outros conteúdos obrigatórios, componentes que proporcionam ao futuro profissional o autoconhecimento, o desenvolvimento pessoal, a habilidade de liderança e gestão e, principalmente, a visão do atendimento em Saúde na sua integralidade, unindo técnica e humanização.
 

 Demonstração de Primeiros Socorros nas aulas da disciplina Suporte Básico à Vida, com o médico Luiz Gustavo Hermógenes Pereira.
Demonstração de Primeiros Socorros nas aulas da disciplina Suporte Básico à Vida, com o médico Luiz Gustavo Hermógenes Pereira.

Para a UEMG Passos, a implantação do curso de Medicina público e gratuito, além de atender à grande demanda de candidatos que buscam essa formação, significará uma importante melhoria na qualidade de vida da população de Passos e entorno. “Com mais profissionais em campo, tanto os médicos professores que virão atuar na universidade como os futuros egressos do curso, teremos condição de melhorar os indicadores regionais de Saúde, principalmente por meio da prevenção. A prevenção é o fator que mais tem ajudado a melhorar as condições de Saúde no Brasil”, afirma a Diretora da UEMG Unidade Passos, Tânia Maria Delfraro Carmo.

Tânia, que é enfermeira e foi uma das idealizadoras do projeto do curso de Medicina, ressalta a tradição da instituição na formação de profissionais na área de Saúde, que já alcança 35 anos com o curso de Enfermagem. Além de Medicina e Enfermagem, a UEMG Passos oferta os cursos de Biomedicina, Estética e Cosmética, Educação Física (Bacharelado e Licenciatura), Nutrição e Ciências Biológicas (Bacharelado e Licenciatura).

Para o Coordenador Geral do Núcleo Acadêmico de Ciências Biomédicas e da Saúde da UEMG Passos, José de Paula Silva, os primeiros meses do curso se mostraram acima das expectativas. “Os alunos são muito empenhados. Em conjunto com estudantes de enfermagem, os calouros de Medicina já estão participando de uma liga acadêmica”, informa o coordenador. O corpo docente também está muito dedicado e se reúne com especial frequência para monitorar e avaliar as atividades. “Um curso, em sua primeira turma, sempre apresenta desafios, mas podemos afirmar que o curso de Medicina vem evoluindo de modo produtivo”, resume José de Paula.

Pela frente, os 39 futuros médicos têm uma jornada de seis anos dentro da universidade e no internato, além do período de residência médica que varia de dois a cinco anos, dependendo da especialidade. “Serão grandes profissionais. Muito potencial e uma profunda vocação não faltam a todos desta turma”, elogia a coordenadora do curso, Maria Paula Vasconcelos.
 

.

Visão rápida do curso de Medicina/UEMG Passos:

Carga horária: 7.245 horas, distribuídas em 12 períodos
 letivos (6 anos)


Perfil desejado dos egressos: Médicos capazes de atuar em promoção de saúde, qualidade de vida e respeito aos direitos das pessoas; de desenvolver habilidades e competências necessárias para o trabalho em equipe; de produzir e difundir conhecimentos e práticas inovadoras; de atuar em gestão de serviços de saúde; de lidar com os diversos aspectos das relações profissionais; e apto ao aprendizado contínuo e crítico.
 

Palestra CRM  Conselho Regional de Medicina
Palestra CRM Conselho Regional de Medicina

Componentes curriculares: As disciplinas estão distribuídas em 6 eixos integralizadores -1. Bases Biológicas da Prática Médica; 2. Bases Psicossociais da Prática Médica; 3. Propedêutica e Terapêutica Médica; 4. Urgência e Emergência; 5. Saúde Coletiva; 6. Gestão de Serviços de Saúde; e 7. Internatos; temas transversais -1. Ética; 2. Metodologia científica; 3. Políticas de educação ambiental; 4- Relações étnico raciais; e 5- Direitos humanos.

Prática profissional: Internamente na UEMG, os estudantes dispõem de laboratórios convencionais e de habilidade, Ambulatório Escola, Núcleo de Atendimento e Pesquisa em Hanseníase e o PSF Escola. Por meio dos convênios, os universitários atuarão na Santa Casa de Passos, Hospital Regional do Câncer, Hospital São José/Unimed, Santa Casa de São Sebastião do Paraíso, Santa Casa de Piumhi, Hospital Psiquiátrico Otto Krakauer, Recanto Geriátrico e Lar de Idosos São Vicente de Paulo.
 

Os estudantes José Paulo de Oliveira  de Brasília (DF)  e  Letícia Thaís de Oliveira Alves de Contagem (MG).
Os estudantes José Paulo de Oliveira de Brasília (DF) e Letícia Thaís de Oliveira Alves de Contagem (MG).

Depoimentos

“O curso é bom, a estrutura está boa, e estão sendo providenciados os itens estruturais que faltam. Por ser uma primeira turma, o resultado supera a expectativa. A universidade tem se mostrado muito interessada em fazer o curso dar certo, está tudo transcorrendo de boa maneira” – do estudante José Paulo de Oliveira, de Brasília (DF).

“O curso surpreendeu logo de início. Além das bases biológicas, já temos algumas práticas e a maioria dos docentes é de médicos e isso oportuniza uma visão futura da profissão. Considerando que é a primeira turma, o resultado é melhor do que eu esperava. Alunos e professores estão muito empenhados em fazer um curso de qualidade. Um aspecto positivo é o curso contemplar a medicina social, a atuação voltada ao atendimento no SUS” – da aluna Letícia Thaís de Oliveira Alves, que veio de Contagem (MG).

 

Cronologia da implantação do curso de Medicina em Passos

2011: A Fundação de Ensino Superior de Passos (FESP) inicia a elaboração do projeto do curso, com apoio da Santa Casa de Misericórdia de Passos.

2012: Inicia-se a construção dos laboratórios para o curso.

2013: O projeto de curso é avaliado e autorizado pelo MEC.

2015: Com a absorção dos cursos da FESP pela Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG), o projeto do curso é avaliado e autorizado pelo Conselho Estadual de Educação (órgão responsável pelas autorizações para instituições de ensino estaduais) e homologado pelo Governo do Estado de Minas Gerais. Inicia-se o processo seletivo por meio do SISU/ENEM e de inscrições para o vestibular.

2016: Início das aulas da primeira turma, em março.
 

Vanessa Cassoli,
 Assessora de Comunicação Institucional / UEMG Passos

Estrutura do Curso de Medicina da UEMG Passos

© Copyright 2013 Foco Magazine

by Mediaplus