Arquitetura e Construo

Voc está em: Home, Arquitetura e Construo, Como escolher o apartamento certo

Agosto de 2016

Como escolher o apartamento certo

Comprar um imóvel para morar sempre é um bom negócio, mas pode não ser uma tarefa fácil, ainda mais se for apartamento, que tem suas particularidades, por isso, alguns cuidados devem ser observados para que a aquisição seja a mais satisfatória possível.

O arquiteto Sérgio Loureiro em frente a um prédio projetado por ele.

Na decisão de comprar um apartamento novo deve ser levada em conta não apenas a segurança, que é uma das vantagens desse tipo de moradia, mas uma série de fatores que serão determinantes para a aquisição ser considerada satisfatória do ponto de vista das necessidades de quem vai investir num bom negócio, que é a habitação. Calor, barulho e espaço inadequado para a mobília são problemas que o futuro proprietário poderá encontrar, se não for bem orientado quando da aquisição do imóvel.

Antes de comprar o apartamento pronto ou ainda na planta, o arquiteto Sérgio Loureiro chama a atenção para a importância da análise do projeto e da documentação do imóvel, que devem ser registrados em cartório. “Um projeto desses tem, além da planta, todo o memorial descritivo, com especificações de acabamento, registro em cartório, conforme lei regulatória para incorporações de condomínios. Se a pessoa quiser, pode também contratar a consultoria de profissionais da arquitetura para analisar o projeto e orientá-la de forma a verificar se o apartamento pode atender suas expectativas”, disse.

Ainda conforme o arquiteto, essa providência poderá garantir ao proprietário a possibilidade de reclamar e corrigir problemas que venham a ocorrer no apartamento, uma vez que os construtores e/ou incorporadores, responsáveis pela venda e/ou construção, têm obrigações legais (lei nº 4.591 dos condomínios e Código do Consumidor, entre outras) quanto a esse tipo de empreendimento. “Se alguém compra um imóvel que venha a apresentar defeitos em algum de seus sistemas, tem todo o direito de reclamar. O próprio manual do usuário orienta”, explica Sérgio.

A análise do projeto é igualmente importante para o futuro proprietário saber o tamanho adequado dos móveis e eletrodomésticos para aquele imóvel. Isso evita dissabores na hora de colocar um sofá ou uma máquina de lavar, por exemplo, em espaços que foram projetados para receber um mobiliário menor.

 

Sérgio Loureiro na varanda integrada com a sala em apartamento projetado para melhor aproveitar a luz natural.

OUTROS CUIDADOS

Sérgio Loureiro fala também de outros cuidados que podem ajudar a pessoa a escolher o melhor apartamento em termos de isolamento acústico e térmico e o desempenho do edifício quanto ao consumo de energia e água, inclusive o tratamento do esgoto produzido no condomínio. Uma última atenção é para a possibilidade ou não de fazer modificações nas paredes. Existem modos de construção, tipo a alvenaria estrutural, em que não se pode demolir paredes.


RUÍDO E CALOR

Saber se na construção do edifício foram empregados materiais com tecnologias para a redução de ruído e calor é uma dica do arquiteto Sérgio Loureiro. As lajes que usam EPS (isopor) e o reboco com sílica são algumas opções no mercado da construção. Esses materiais atenuam o calor no apartamento, proporcionando um conforto térmico para os ambientes.

Também é importante verificar a incidência solar no apartamento, para evitar umidade e garantir luz natural. Para isso, o apartamento ideal é o que está voltado para o sol da manhã, face leste ou norte, para melhor conforto térmico. Quanto à umidade em armários, deve-se verificar a localização de canos de água.

Apartamento com sala ampla, modo de concreto estrutural permite que paredes possam ser removidas.

 

ÁGUA E ENERGIA

Segundo Loureiro, quem for comprar um apartamento poderá encontrar também opções que adotem tecnologias de redução do consumo de energia e água, o que irá ajudar também a diminuir as despesas dos moradores com esses recursos. Lâmpadas de LED, que gastam menos energia elétrica, não emitem calor e são mais duráveis, placas fotovoltaicas para captação da energia solar, torneiras, chuveiros e descargas especiais para economia de água já fazem parte dos projetos de condomínios.
“Hoje as incorporadoras usam maquetes para dar ao cliente uma visão antecipada da implantação do condomínio. Também é usual, no lançamento da incorporação, apresentações de passeios virtuais simulados no computador e até análise de desempenho do edifício em termos de energia, água, esgoto, automações com uso da internet”, disse o arquiteto.
 

ESTRUTURA


Com o passar do tempo, é possível que o proprietário pretenda fazer modificações em seu apartamento. Por isso é importante saber, antes de fechar negócio, se o apartamento foi construído com alvenaria estrutural ou concreto estrutural.

A primeira não permite modificações com remoção de paredes, por exemplo, enquanto que na segunda, em que as paredes são apenas de vedação, dá para fazer alterações no espaço do apartamento. Ainda no segundo modo, as plantas são mais flexíveis, principalmente quando as paredes internas são de Drywall. As paredes das fachadas hoje em dia podem vir montadas com as janelas também para serem fixadas na estrutura.

“Os empreendimentos novos que vêm sendo lançados tem essa vantagem de poder oferecer novas formas de morar com o uso de tecnologias que vão melhorando a qualidade e os custos finais das moradias, durante seu tempo de vida”, afirma o arquiteto.

Apartamento em concreto estrutural. Proprietário optou pela remoção da parede do que seria um quarto para ampliar o espaço da sala.

 

Prédio projetado por Sérgio Loureiro.

 

Construção em concreto estrutural permitiu ao proprietário transformar quartos em suítes.

 

Prédio projetado pelo arquiteto Sérgio Loureiro.

 

© Copyright 2013 Foco Magazine

by Mediaplus