Motivação

Você está em: Home, Motivação, Brasil, apesar das decepções, ainda é possível ...

Agosto de 2018

Brasil, apesar das decepções, ainda é possível sonhar!

.
Depois de uma experiência excepcional de 15 dias na Alemanha, buscando novos conceitos e práticas de coaching, aproveitei também para pesquisar sobre o que nós, emergentes brasileiros, temos a aprender com o primeiro mundo alemão.
 
Portanto, eis alguns porquês da Alemanha ser um país de primeiro mundo:
- As empresas são altamente otimizadas, não têm processos “meia boca”, nem amadorismo profissional.
- Os profissionais são altamente pragmáticos, focados em resultados, com alta produtividade.
- As leis são respeitadas, com rigor.
- A gestão pública é tão eficiente quanto as gestões privadas.
- Existe uma parceria responsável e justa entre patrão e empregado.
- O país está em ordem, o meio ambiente é respeitado, as estradas são de ótima qualidade, a moeda forte, a economia estabilizada e salários justos. Existe profissionalismo da faxina ao alto escalão da empresa. Temos tudo isso a aprender com eles. Nós demoramos muito para abrir mão de ideias velhas e aderirmos às inovações da tecnologia. Se prestarmos atenção vamos observar que as empresas que mais crescem no Brasil, não são necessariamente as maiores, mas as mais modernas. Os profissionais que mais crescem profissionalmente, não são necessariamente os que têm diplomas das melhores universidades, mas os que trabalham com dedicação, foco e grande abertura para a inovação.
 
A boa notícia é que, apesar do quanto ainda somos amadores tecnicamente, somos um povo alegre e afetuoso; boa parte dos alemães tem muita dificuldade de se relacionar, são frios e distantes, não que isso seja um defeito, são perfis comportamentais que têm pontos positivos e negativos. Como estamos na era da inteligência emocional, levamos vantagem sobre eles, pois, somos bem mais inteligentes emocionalmente, temos habilidade para cativar pessoas e manter laços de amizade. Somos um povo criativo e versátil, só precisamos agir com mais profissionalismo, sermos mais focados, estrategistas e inovadores. A outra boa notícia é que na Alemanha, está tudo feito, tudo pronto, os jovens de lá não têm muito o que sonhar. Aqui no Brasil, está quase tudo por fazer. Temos muito mais o que sonhar e muito mais facilidade para realizar sonhos. Somos um país em construção, jovens e adultos podem ter esperança, basta saber o que queremos para nós e nosso país. Portanto, paremos de criticar e foquemos no que temos de bom. Usemos nosso direito para escolher melhor os futuros representantes políticos, combater a praga da corrupção e foquemos no que podemos aprender com quem está mais evoluído do que nós, reconhecendo nossos talentos e pontos de melhorias. O Brasil tem jeito sim, porque somos quem somos.
 
por José Osvaldo de Oliveira

© Copyright 2013 Foco Magazine

by Mediaplus