Última Edição
Jul / Ago 2019
Jul / Ago 2019

Assiantura Online

Recebe a última edição da
Foco Magazine no conforto
de seu endereço!

Quero Assinar Última Edições

Saúde

Trombose

  • Trombose é a presença de coágulo na circulação. O coágulo pode ser diagnosticado no sistema arterial ou sistema venoso superficial ou profundo. As causas, diagnóstico e tratamento são diferentes dependendo da localização do trombo. A trombose venosa é mais comum e pode acometer anualmente quase 180.000 pessoas no Brasil. Quando o coágulo ocupa a luz das veias profundas, mais comum nos membros inferiores, a doença é conhecida como trombose venosa profunda. Esta alteração impede que o sangue das pernas retorne ao coração.

    .

     

    .

     

    Principais causas
     
    •Idade: os indivíduos acima de 40 anos apresentam um aumento significativo;
    •Imobilidade ou mobilidade reduzida;
    •História prévia pessoal ou familiar de trombose venosa profunda;
    •Presença de varizes de membros inferiores;
    •Obesidade;
    •Traumatismos graves: devido a possíveis lesões no sistema venoso, imobilização prolongada e presença de infecções ou necessidade de cirurgias associadas;
    •Uso de hormônios e gravidez;
    •Condições cirúrgicas e clínicas que causem imobilizações prolongadas, presença de cateteres para medicações e internações em unidade de terapia intensiva;
    •Câncer e quimioterapia;
    •Viagens prolongadas;
    •Condições congênitas e adquiridas que facilitam a formação de coágulos (trombofilias).
     
    Sinais e sintomas de 
    trombose venosa
    No início os sintomas podem não ser percebidos (assintomático).
    Como o local mais frequente das tromboses venosas são as pernas, o paciente pode apresentar: 
    • inchaço.
    • dor no músculo e musculatura endurecida.
    • diferença de volume de uma perna em relação à outra.
    • pé um pouco arroxeado e, às vezes, perna mais quente.
    • às vezes nota-se dilatação do sistema venoso superficial (presença de varizes e vasinhos mais evidentes).
    O diagnóstico clínico é extremamente difícil, quando há suspeita desta doença há a necessidade de realização de exames complementares.
    Para a confirmação, o ultrassom Doppler venoso é o exame de escolha.
     
    Qual é o tratamento para trombose venosa profunda?
     
    O objetivo do tratamento é evitar a embolia pulmonar, extensão da trombose e, secundariamente, a recorrência da trombose e suas sequelas nas pernas. A medicação mais utilizada para este fim são os anticoagulantes. A intensidade da dor, a localização e a extensão do trombo influenciam o médico na escolha entre o tratamento em casa ou no hospital. Dependendo das características da doença, além do uso de anticoagulação, o médico poderá lançar mão de outros métodos de tratamento, como por exemplo: implante de filtro de veia cava, tratamento endovascular e fibrinólise sistêmica (substâncias que dissolvem o trombo).
    Na maioria dos casos, a trombose é tratada por 3 a 6 meses. Para pacientes que tiveram a trombose mais de uma vez, o tratamento deve ser mais prolongado e pode ser para toda a vida.
     
    .
    .

     

    .

     

    © 2019 Foco Magazine. Todos os direitos resevados.