Última Edição
Janeiro/Março 2020
Janeiro/Março 2020

Comunidade

CEPC movimenta cidades mineiras em projeto de fortalecimento da fé.

  • Mariana Lima com as crianças que participaram das brincadeiras do projeto.
    Mariana Lima com as crianças que participaram das brincadeiras do projeto.

    Os municípios de Passos e São João Batista do Glória receberam no período de 5 a 23 de fevereiro deste ano, jovens integrantes do “Movimento Gerando Vida” da Cruzada Estudantil e Profi ssional para Cristo, juntamente com a Cruzada Estudantil do Chile, para um projeto de fortalecimento da fé. O objetivo desta organização nacional que tem pessoas de todo o país e do Chile é ajudar a construir movimentos espirituais em todos os lugares, até que cada pessoa conheça alguém que verdadeiramente segue a Jesus Cristo.

    Segundo Mariana de Assis Camargo Lima, uma das organizadoras e integrantes da Cruzada Estudantil e Profissional para Cristo (CEPC), esse trabalho realizado nos dois municípios mineiros faz parte de uma missão evangélica interdenominacional. O projeto nasceu no coração de um grupo de estudantes universitários chilenos, que desejavam falar de Jesus para os brasileiros. “Uma parceria foi fi rmada com as igrejas presbiterianas nas cidades de Passos e São João Batista do Glória e então, partimos para anunciar o evangelho durante 12 dias. Dividimos-nos em grupo; dezoito pessoas fi caram em Passos e 14 em São João Batista do Glória”, explica Mariana.

    Um dos integrantes da CEPC evangelizando uma passense.
    Um dos integrantes da CEPC evangelizando uma passense.

    A CEPC é uma organização cristã evangélica, sem fi ns lucrativos, fundada em 1951 pelo Dr. Bill Bright, nos Estados Unidos. Hoje possui representantes em mais de 190 países e no Brasil atua em todo o território nacional desde 1970. Conforme Mariana, a CEPC trabalha com projetos de formação de lideranças cristãs, baseadas no modelo bíblico de Jesus. 

    Em 12 dias de trabalho os grupos conseguiram falar com mais de 500 pessoas na cidade de Passos, das quais 305 indicaram querer Jesus como Senhor e Salvador de suas vidas. “Estamos felizes e gratos a Deus que nos permitiu realizar este projeto. Concentramos o trabalho de visitação nos bairros Colégio de Passos e Vila Rica e a impressão geral foi de pessoas que muitas vezes não tem dificuldades materiais, mas que experimentam um grande vazio existencial, que só pode ser completado com a presença de Jesus Cristo. Neste sentido pudemos ajudar a vivenciar histórias de vidas transformadas”, conta Mariana.

    Mariana, que já esteve em Passos em novembro de 2011para mapear as necessidades do município para o projeto achou a cidade muita boa, com infraestrutura adequada, mas que realmente precisava experimentar o amor de Jesus. “Para mim, a experiência foi excelente, sempre é maravilhoso compartilhar da salvação que existe em Jesus Cristo, em qualquer cidade. E a nossa finalidade enquanto grupo é essa: ganhar o maior número de pessoas para Cristo além de edificar na fé, o que ganhamos. Após isso, treiná- -los para o desempenho do nosso ministério e enviar os que são treinados para ganhar e discipular assim, outras pessoas”, fala a organizadora.

    Durante o tempo em que o grupo ficou em Passos, o filme “Jesus” foi exibido para o público dos bairros Vila Rica e Colégio de Passos. Além disso, um evento evangelístico para as crianças foi realizado e também brincadeiras, música, teatro evangelístico e oficinas, onde a garotada pôde aprender um pouco sobre a cultura do Chile. Além disso, instalaram provisoriamente uma escolinha bíblica de férias dentro da Igreja Presbiteriana Betel e no CRAS (Centro de Recreação e Assistência Social), tiveram a oportunidade de evangelizar os alunos.

    Em São João Batista do Glória o filme Jesus e Madalena foi projetado na praça central do município, onde cerca de 540 pessoas, entre jovens e adultos se reuniram para assistir. Eventos para as crianças também foram realizados como: brincadeiras, cânticos, teatros e mensagens evangelísticas, com a participação de 85 pessoas. Cerca de 30 pessoas da igreja local foram treinadas em evangelismo e discipulado para dar continuidade ao trabalho após o projeto.

    Para Mariana Lima, todos os momentos deste projeto em Passos e São João Batista do Glória foram marcantes, pois foi trabalhada a transformação de vidas e realidades. Ela espera que a vinda do grupo tenha ajudado de alguma forma os mineiros a seguir e acreditar em Jesus e que após vivenciarem outras histórias e muitos ensinamentos, as pessoas possam de fato, avivar mais a fé.

    Um dos momentos mais marcantes presenciados pelo grupo paulista durante o encontro do Movimento Gerando Vida

    “Uma das histórias que nos impactou foi a de duas pessoas Valdir e Andréia. Valdir estava escravizado pelo álcool, preso em seus vícios, humilhado pelo pecado, separado da família, sem seu emprego de motorista, morando de favor na casa de um amigo, quando Deus cruzou nossos caminhos e o levou até nosso grupo. Um casal da nossa equipe encontrou com eles na padaria, falaram de Jesus e Andréia os convidou para visitá-los. No dia seguinte, Lucas e Juliana foram até eles e conheceram o local, uma casa onde moravam três alcoólatras, sendo que Valdir foi o que disse que pararia de beber só depois do carnaval. Lucas e Juliana apresentaram o plano de salvação através das 4 Leis espirituais e antes de sair, Juliana convidou Valdir para fazer uma oração à Jesus e pedir libertação do vício.Valdir disse ter feito muitas promessas e não tinha até então conseguido parar de beber, mas aceitou pedir desta vez para Jesus, o Deus encarnado, criador de todas as coisas. Disse que se fi zesse a oração não iria mais por bebida na boca, assim fez com fé a oração, se rendeu aos pés de Jesus e reconheceu que precisava de sua ajuda. No outro dia, quando o casal voltou para estudar a bíblia eles encontraram Valdir passando muito mal, pois desde o momento que fez a oração não tinha conseguido beber mais nada. Ele foi levado ao hospital, deram soro e depois de algumas horas, ele melhorou. Estudou a bíblia, foi à igreja e demonstrava que realmente tinha se encontrado com Jesus. No dia 8 de março Lucas e Juliana receberam uma ligação, era a irmã de Valdir, agradecendo-os, pois Valdir voltou para a casa de sua família, voltou a trabalhar de motorista, está muito feliz e livre de seu vício pela fé, cheio de vida e esperança em Jesus, frequentando a igreja e estudando a bíblia.”

    Graciela Nasr

    © 2019 Foco Magazine. Todos os direitos resevados.