Última Edição
Nov/Dez 2019
 Nov/Dez 2019

Comunidade

IFSULDEMINAS: consolida seu espaço em Passos

  • O campus
    O campus

     

    Estudantes aproveitam área verde do campus para colocar a conversa em dia. Luciana de Melo (a segunda, da esquerda para a direita) consegue conciliar estudos, pesquisa e momentos de lazer.
    Estudantes aproveitam área verde do campus para colocar a conversa em dia. Luciana de Melo (a segunda, da esquerda para a direita) consegue conciliar estudos, pesquisa e momentos de lazer.

     

    São mais de 500 unidades do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia espalhadas pelo Brasil, sendo oito somente no Sul de Minas Gerais. Em Passos, o IFSULDEMINAS está localizado no bairro Penha II, próximo à Capelinha da Penha e ao posto da Polícia Militar.


    Hoje o Campus Passos oferece cursos desde o Ensino Médio até a Pós-Graduação, além de capacitações e Pronatec. Aproximadamente 650 alunos são beneficiados com o sistema de ensino gratuito, federal e de qualidade. Para 2018, a estimativa é que 1200 alunos sejam atendidos.
    São diversas as atividades disponíveis aos estudantes. Na parte do ensino, há oportunidades de participações em visitas técnicas, olimpíadas nacionais – com boas premiações, inclusive – e projetos de pesquisa e extensão. Nos momentos de descontração, pode-se escolher entre música, festivais e campeonatos esportivos.


    Quem fica o dia todo na escola pode aproveitar a Biblioteca para estudar, fazer trabalhos ou navegar na internet. Ela possui área ampla para leitura, computadores com acesso à internet, salas reservadas para estudo em grupo e mais de 3.000 exemplares para consultas. Para repor as energias, basta ir até o refeitório do campus, que prepara desde o café da manhã até o jantar, todos gratuitos para os estudantes do Ensino Médio. Além disso, o campus conta com pedagogas, psicólogo, assistente social, enfermeira, odontóloga, tradutora e intérprete de linguagem de sinais, todos disponíveis para atendimento e acompanhamento.

    Para o estudante Arley Paim, do Técnico em Orientação Comunitária, o campus é uma extensão de sua casa e toda a infraestrutura deve ser aproveitada. A Biblioteca, por exemplo, é “uma das melhores que conheceu, pois além de possuir um bom acervo, disponibiliza computadores com acesso à internet para a comunidade acadêmica”. A satisfação é garantida também com o refeitório, “um espaço bem amplo onde serve refeições de qualidade e preparadas com carinho”. Arley, que já participou de diversos projetos de esporte, cultura e lazer do Campus Passos, entre eles a fanfarra, aguarda ansioso pela inauguração do ginásio poliesportivo que acontecerá em breve. É que ele pensa em praticar mais esportes, como o futebol de salão, e com o ginásio será uma boa opção.
     

    Nem completaram 18 anos e já estão envolvidas em projetos de pesquisa
    Nem completaram 18 anos e já estão envolvidas em projetos de pesquisa

     

    Projetos e envolvimento com a sociedade

    O que não faltam são oportunidades de aprendizado e crescimento pessoal. Luciana de Melo Pereira, do 3º ano do Ensino Médio (Técnico em Informática), é exemplo de estudante que não perde tempo. Sempre participativa, ela está presente em todas as visitas técnicas, acompanha os grupos musicais da escola e todos os anos se inscreve em competições nacionais (e conquista menções honrosas). Atualmente, ela faz parte da equipe de vôlei do campus (está se preparando para um campeonato intercampi) e atua em um projeto de “História Empresarial de Passos”, como bolsista do CNPq.

    “Participar de um projeto de pesquisa e extensão é um grande privilégio, pois permite um contato direto com ´fazer ciência´, além de proporcionar experiências únicas e a familiarização com a linguagem científica. Sem falar na bagagem que é chegar ao ensino superior já possuindo experiência em um projeto de iniciação científica”, contou Luciana.
    Hoje são cerca de 13 projetos de extensão em andamento (nas áreas de Informática, Matemática, Enfermagem, Administração e Comunicação Visual), os quais buscam ao mesmo tempo aproximar os estudantes da comunidade e permitir que eles coloquem os aprendizados em prática.

    Inscrições e novidades

    Uma vez ao ano, é realizado processo seletivo para ingresso de novos alunos. Normalmente, as inscrições acontecem no início de outubro e as provas são realizadas em dezembro. Para 2017, serão disponibilizadas aproximadamente 400 vagas em diversas modalidades de Ensino, nas áreas de Comunicação Visual e Publicidade, Moda, Enfermagem, Informática, Administração e Matemática.
    Durante o ano, são propostos em média 15 cursos de capacitação e promovidos mais de 30 eventos nos diversos segmentos em que a instituição atua. As divulgações são feitas sempre pelo site do campus (www.ifsuldeminas.edu.br/passos) ou pelo facebook (IFSULDEMINAS - Campus Passos).

    O estudante Arley Paim aproveita o espaço da Biblioteca Clarice Lispector para navegar na internet.
    O estudante Arley Paim aproveita o espaço da Biblioteca Clarice Lispector para navegar na internet.

     

    Tendo conquistado a expansão dos cursos presenciais, agora chegou o momento de alavancar os cursos a distância (EaD). Segundo o diretor-geral, João Paulo de Toledo Gomes, existem três cursos protocolados e com projetos pedagógicos em construção: Agente Comunitário de Saúde, Libras e Serviços Públicos. A expectativa é que cerca de 1500 alunos sejam matriculados nos polos vinculados ao IFSULDEMINAS, incluindo Passos.“Os cursos EaD são uma excelente forma de disseminação da educação. Hoje, com o avanço das tecnologias de informação e comunicação, essa modalidade de ensino tornou-se um facilitador para as pessoas que não têm ou não tiveram oportunidade de estar presencialmente em uma cadeira escolar, devido aos horários de trabalho ou por questões de distância geográfica. Agora, poderão realizar o sonho: um ensino de qualidade”, comemorou.

    O crescimento do Campus Passos não para por aí. Ainda para este ano, está prevista a entrega do ginásio poliesportivo que inclui vestiários e academia. Para o ano que vem, novo prédio pedagógico e um auditório para 300 pessoas.

    Helena Madeira

    © 2019 Foco Magazine. Todos os direitos resevados.